mesclar removebg preview

5 Alimentos que Auxiliam na Eliminação do Colesterol no Corpo

Você que é uma pessoa com obesidade, certamente deve ser avaliado com alguns exames qual a taxa de colesterol que você carrega dentro do seu organismo. E não pense que, aquele que é magro não tem colesterol alto, porque obesidade pode estar relacionada com o colesterol, mas isto não quer dizer que quem é magro está livre dela.

 

Existem dois tipos de colesterol: o colesterol bom (HDL), e o colesterol ruim (LDL).

O colesterol bom tem vários benefícios, como proteger o coração de um infarto do miocardio por exemplo. Para que este colesterol esteja em equilíbrio no seu corpo, é necessário que você possa fazer exercícios físicos, não fumar e ter um peso adequado.

5 Alimentos que Auxiliam na Eliminação do Colesterol no Corpo

Já o colesterol ruim não traz benefício nenhum, e ainda é necessário que você possa eliminá-lo do corpo, afinal de contas, é um tipo de colesterol que poderá trazer para você vários prejuízos. Diante desta situação, apresentamos aqui alguns alimentos que vão ajudar o seu organismo a eliminar este mal.

Peixes e Frutos do Mar reduz o colesterol

O peixe é uma carne que, além de saciar sua fome, também traz vários benefícios, e também vantagens, uma vez que, este tipo de carne não carrega consigo tanto colesterol, e ainda possui o ômega 3, que é uma espécie de gordura boa, podendo chamar de gordura insaturada.

Esta gordura ajuda na redução de triglicerídeos e colesterol, podendo fazer com que o sangue até mesmo flua mais, prevenindo assim doenças cardio vasculares.

Aveia reduz colesterol

A aveia é um alimento muito bom para o café da manhã. Você amassa um pouco de banana e coloca junto, para que o aspecto fique melhor. Além disso, você também pode acompanhar esta fibra com cereais e também outras frutas.

Ela traz também muitos outros benefícios, e em relação ao colesterol, ajuda a reduzir a concentração do mesmo dentro do organismo, além de lipídios e triglicerídios.

Então lembre-se: de manhã, sempre que for fazer uma banana amassada ou algo do tipo, adicione um pouco de aveia, que vai auxiliar bastante na redução do seu colesterol (LDL).

 

Chocolate Amargo reduz colesterol

Para os chocólatras de plantão, nem tudo está perdido, porque existem chocolates que tornarão a sua saúde ainda melhor. Claro que, com muita moderação.

O chocolate comum possui substâncias que podem aumentar o colesterol do nosso organismo. Porém, o chocolate amargo é diferente.

O chocolate amargo possui flavonoides, que são substâncias que reduzem os níveis de LDL do corpo, fazendo com que aquela gordura ruim que você possui seja retirada.

O ideal é que você consuma 30g deste chocolate diariamente como sua sobremesa.

E tem que ser com moderação, porque só assim você conseguirá aproveitar os benefícios que o chocolate proporciona.

Alcachofra reduz colesterol

A alcachofra atualmente não tem sido tão consumida pela maioria das pessoas.É difícil você ver alimentos que utilizam a alcachofra em suas receitas. Mas comecem a repensar nisto, porque ela também é um forte alimento para a redução de colesterol no corpo.

Além da redução de colesterol, também auxilia na redução de infartos, redução de obesidade e diabetes, entre outros. E uma porção de 100g de alcachofra possui apenas 50 calorias.

Vinho reduz colesterol

E por último, e não menos importante, para quem gosta de apreciar um bom vinho, também temos uma novidade para você.

De forma moderada, o vinho também poderá ser um fator interessante para o aumento do nível de HDL, que é o famoso colesterol bom.

Assim como chocolate amargo, o vinho também possui flavonoides, que ajudam também ajudam a diminuir o número de LDL no organismo, e também são propriedades antioxidantes e vaso-dilatadoras.

Com estas dicas, certamente você tem uma chance imensa em regularizar o nível de seu colesterol em seu organismo.

E você? Quais dicas que você tem e que poderão ajudar na redução de colesterol dentro do organismo?


O site Terapia Integrativa possui SSL, padrão global em segurança e utiliza o GDPR que é o Regulamento Geral de Proteção de Dados.